Últimas


Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_latestnews/helper.php on line 108

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_latestnews/helper.php on line 108

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_latestnews/helper.php on line 108

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_latestnews/helper.php on line 108

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_latestnews/helper.php on line 108

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_feed/helper.php on line 46

Dica Rápida

A cada troca de óleo do motor verifique o estado do óleo dos diferenciais, câmbio e caixa de transferência, completando ou trocando se necessário.

Mais Visitados


Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_mostread/helper.php on line 77

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_mostread/helper.php on line 77

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_mostread/helper.php on line 77

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_mostread/helper.php on line 77

Warning: Creating default object from empty value in /home/content/16/8113416/html/modules/mod_mostread/helper.php on line 77

Mais Votados

-Freio traseiro a disco no Jeep (13 Votos) (Média: 5)

-Esquemas detalhados do Niva (9 Votos) (Média: 5)

-Código Fonético Internacional (4 Votos) (Média: 5)

-Vedando o distribuidor II (4 Votos) (Média: 5)

-Sugestão de painel (3 Votos) (Média: 5)

Tanque de combustível de 76 litros para CJ5 PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 7
PiorMelhor 
Escrito por Administrator   
Qui, 31 de Julho de 2008 00:14

O que muitos proprietários de jipes CJ reclamam é sobre sua autonomia, apenas 45 litros de gasolina é pouco para um jipe que gasta bem. Como proprietário de um desses gastões, fã de trilhas pesadas e cansado com a falta de autonomia em trilhas, resolvi montar um tanque de combustível com maior capacidade no meu CJ5.
O primeiro passo é decidir onde você quer instalar o tanque de combustível, a capacidade dele e o material que será usado na sua confecção. Optei por colocá-lo na traseira do jipe, onde normalmente vai o banco traseiro, já que por motivos de segurança não levo ninguém no banco traseiro do jipe em uma trilha. Quanto a capacidade, optei para algo em torno de 70 a 80 litros e o material, escolhi o inox, apesar de ser mais pesado que o alumínio, é muito mais resistente.
O tanque de inox eu mandei fazer na Jor Racing* (empresa especializada que fica em São Paulo), na medida de 28cm de altura, 31cm de comprimento e 88cm de largura.

Na parte superior do tanque de combustível
O bocal fica dentro do jipe, do lado esquerdo, de fácil acesso entre o galão de combustível e o estepe. O bocal de 2 polegadas foi feito separado do tanque, em alumínio, que será preso ao tanque de combustível por uma mangueira de borracha, usada no tanque de combustível da Rural, presa com quatro abraçadeiras, duas na parte do tanque e duas na parte do bocal.
O buraco da bóia de combustível fica dentro do tanque, também na parte de cima. Vou usar a bóia do próprio jipe, com uma pequena modificação em sua haste. Lembre-se de levar a bóia para medição das furações. Como a altura do tanque é bem superior que a do original, usei a haste da bóia emendada com a haste de outra bóia, para a junção das hastes usei aquelas pecinhas que normalmente são usadas para emendar fios e cabos elétricos. Ficou leve, não atrapalhando o trabalho da bóia e bem firme.
No canto direito fica a saída para o respiro do tanque. Usei uma mangueira de xx de alta pressão até a altura do “santo antônio” e na ponta usei um filtro K&N pequeno, que estava sobrando em casa, o que não é necessário.

Na parte inferior do tanque de combustível
A saída do combustível fica no centro do tanque na parte inferior. Tive um problema na saída de combustível, que me deu um pouco de dor de cabeça, o diâmetro do caninho que sai do tanque é maior que a mangueira de combustível usada no jipe, tive então que usar um pedaço de uns 20cm da mesma mangueira que usei no respiro, mas o problema era achar um redutor resistente à gasolina, para esta mangueira e uma de gasolina normal. Acabei achando um para gás na Copafer*, conforme foto abaixo.

Instalação
Para evitar o contato do tanque de combustível direto com o assoalho do jipe, comprei algumas placas de piso de borracha, são bem baratas, forrando o chão e as paredes laterais da carroceria que ficarão em contato com o tanque, o que me resultou em um pequeno problema: o tanque precisa estar aterrado. Para isso, comprei o cabo de aterramento do jipe, em uma ponta apertei um dos parafusos da bóia e o outro no suporte do tanque.
Para prender o tanque, mandei fazer em um serralheiro (desses que fazem portões) dois "U’s” que serão parafusados no chão fixando o tanque.

Antes de começar a furar o assoalho, coloquei o tanque na posição que que vai ficar, centralizei, marquei o furo da saida de combustível e dos suportes para antes ver se não havia nada que atrapalha-se sua fixação na parte de baixo do assoalho.
Após furado o assoalho para a saída de combustível, forrei o chão e as paredes com as borrachas já deixando o tanque acomodado, marquei os furos dos suportes, também com as borrachas (sobras das que usei no chão) para não ficarem diretamente em contato com o tanque, e os prendi com parafusos de 15mm, arruelas muito reforçadas, principalmente debaixo do jipe.
Como já dito antes, prendi o bocal com o tanque com uma mangueira do tanque de combustível da Rural de 2", duas abraçadeiras na parte inferior e duas na parte superior.
Na bóia, usei parafusos harlens com arruelas de pressão, sendo que em um dos parafusos prendi uma das pontas do cabo de aterramento e, a outra ponta, prendi em um dos parafusos do suporte com o assoalho, fazendo assim o aterramento.
Para o respiro também usei duas abraçadeiras no caninho de saída e uma no filtro e prendi a mangueira seguindo o “santo antônio”.
Com mais cuidado, passei para a parte do combustível, duas abrassadeiras no caninho da saída de combustível, duas na entrada do redutor e duas na saída do redutor. É necessário também muita atenção na passagem da mangueira de combustível do tanque para o motor, deixando ela bem presa e protegida.
O resto são acabamentos, que cada um acaba fazendo da sua maneira.

Tanque e bocal Jor Racing  (0xx11) 5016-3648 - Rua Tenente Ubirajara Monory, 75 - Parque Jabaquara - SP
Redutor e parafusos Copafer (0xx11) 4997-7000 - Av. dos Estados, 4555 - SP
Bóias e mangueira do bocal (Rural) Peças e Acessórios Off-Road (0xx11) 6909-5220 - Av. Joaquina Ramalho, 401 - SP
Mangueiras e abraçadeiras Safetybor (0xx11) 3834-3741 - Av. Dr. Gastão Vidigal, 752 - Lapa - SP

 Peças utilizadas na montagem

Tanque  

 Tanque já montado

 

Fonte: Trilha4x4